Sem esta terra funda e fundo rio,

Que ergue as asas e sobe, em claro voo;

Sem estes ermos montes e arvoredos,

Eu não era o que sou.

 

Teixeira de Pascoaes

1º congresso nacional das ciências do solo

 

encontro anual da spcs

 

 

27 a 29 de junho de 2001

 Instituto Superior de Agronomia - Auditório da Lagoa Branca

  Sociedade Portuguesa da Ciência do Solo

· ISA · IHERA · INIA ·IICT

 

ÂMBITO

 TEMAS

APRESENTAÇÃO DE COMUNICAÇÕES

DATAS IMPORTANTES

 PROGRAMA

 

COMISSÃO ORGANIZADORA

COMISSÃO CIENTÍFICA

COMISSÃO EDITORIAL

 

BOLETIM DE INSCRIÇÃO

MORADA PARA CORRESPONDÊNCIA

LOCALIZAÇÃO

 

 

RESUMOS

 

 

PARTICIPANTES DO CONGRESSO - "FOTO DE FAMÍLIA"

 

FOTO GRANDE  (780Kb)

FOTO MÉDIA      (274Kb)

FOTO PEQUENA ( 86Kb)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

[TOPO]

Âmbito

No início do novo século e milénio a Humanidade enfrenta grandes desafios que decorrem da necessidade, por um lado, de garantir melhor qualidade de vida aos cidadãos e, por outro, de garantir o ordenamento e uso sustentado e equitativo dos recursos naturais colectivos. O recurso-solo é considerado cada vez mais como uma charneira fundamental para enfrentar esses desafios. A ele e ao seu uso se associaram

(a) a capacidade de produção de alimentos e matérias primas,

(b) os potenciais impactes negativos das mudanças globais (aquecimento global),

(c) a degradação acelerada da terra dos ecossistemas sob forte pressão de uso,

(d) a vulnerabilidade de ecossistemas (ambientais) e da biodiversidade,

(e) a melhoria e garantia da qualidade do ar e da água;

(f) a capacidade de diluir e aproveitar efluentes e resíduos.

Os avanços da biotecnologia, das tecnologias de informação e de gestão sustentada da terra constituem as bases indispensáveis para enfrentar os desafios do desenvolvimento.

Neste contexto, a Sociedade Portuguesa da Ciência do Solo, em colaboração com outras instituições (ISA, IHERA, INIA e IICT), organiza o primeiro congresso nacional das ciências do solo para debater e perspectivar, para o nosso País, as bases científicas e técnicas inerentes à inventariação de recursos e ao ordenamento do território, ao uso sustentado da terra, à recuperação de áreas degradadas e à qualidade do solo, do ar e da água.

[TOPO]

temas

 formação, classificação e inventariação de solos. Avaliação de terras e as novas tecnologias (resumos)

química e fertilidade do solo e gestão de nutrientes nos ecossistemas (resumos)

física do solo, desenvolvimento radical e transporte de solutos (resumos)

o solo, o ordenamento do território e o planeamento do uso da terra (resumos)

transformação e utilização de efluentes e resíduos (resumos)

tecnologia e indicadores de gestão sustentada dos ecossistemas agrários (resumos)

as funções do solo e a qualidade ambiental. Conservação e recuperação de solos (resumos)

ecologia e processos biológicos do solo (resumos)
 

[TOPO]

APRESENTAÇÃO DE COMUNICAÇÕES

 

Convidam-se os interessados a apresentarem comunicações relativas a trabalhos científicos originais, com resultados consolidados. Para isso, deverão submeter à Comissão Organizadora um resumo da comunicação, a forma preferida de apresentação (oral ou poster) e o Tema em que julgam que ela melhor se integrará. Contudo, a deliberação final quanto ao tema e forma das comunicações é da responsabilidade da Comissão Organizadora.

Cada participante poderá figurar como primeiro autor de apenas uma comunicação oral, podendo ser, porém, co-autor de outras.

Os resumos não deverão exceder uma página A-4, com margens de 2,5 cm, em formato Word, e deverão ser submetidos electronicamente (de preferência por e-mail, eventualmente em diskette de 3½).

O resumo deverá obedecer à seguinte sequência: título em Times New Roman 14, Bold; linha em branco; nome(s) do(s) autor(es) em Times New Roman 12, Bold; linha em branco; endereço (incluindo telefone, fax e e-mail) em Times New Roman 12, Normal; duas linhas em branco; texto do resumo Times New Roman 12, espaçamento de 1,5.

O texto do resumo deverá ser conciso e rigoroso, mas incluindo uma breve introdução e informação precisa sobre materiais e métodos utilizados, resultados e conclusões obtidos.

[TOPO]

DATAS IMPORTANTES

 

data limite de envio de resumos

 

30 Abril 2001 

informação da aceitação da comunicação

 

21 Maio 2001 

data limite de pagamento da inscrição

 

31 Maio 2001 

programa definitivo

 

11 Junho 2001 

entrega de textos para publicação

 

15 Outubro 2001 

 

 

[TOPO]

programa

 
 

Quarta-feira

Junho

27

 

 

 

09.30 - Sessão de Abertura, com a presença do Secretário-Geral da International Union of Soil Sciences (IUSS), Prof. Winfried Blum

10.00 - Palestra "Desafios para a Ciência do Solo no Alvorecer do Século XXI", pelo Prof. Winfried Blum

10.30 - Conferência "From Soil Map to Digital Land Resources Database", pelo Dr. Koos Dijkshoorn, Senior Soil Scientist do International Soil Reference and Information Centre (ISRIC), Wageningen, Holanda

 

11.30 - Café e Sessão de Posters

 

13.00 – Almoço

 

14.30 - Tema 1 - Formação, classificação e inventariação de solos. Avaliação de terras e as novas tecnologias

14.30 - 14.45 - Características e qualidades da Terra relevantes para a avaliação da sua aptidão (qualitativa e actual) para usos agrícolas, na região de Entre Douro e Minho.

A. T. Constantino & J. M. Duarte

14.45 - 15.00 - Release and sequestration of iron within a red/yellow/white sequence of Cambisoils, Plinthosols and Gleysols of the upper Amazon basin.

E. Fritsch, A. J. Herbillon, N. Nascimento, J.M. Genin & M. Abdelmoula

15.00 - 15.15 - Physical, Chemical and Mineralogical Features of Luvisols with Gleyic or Stagnic Properties in Southern Portugal.

F. Monteiro, M. Madeira & M. Fonseca

15.15 - 15.30 - Zonagem agro-ecológica da Província de Cuanza Sul (Angola).

J. A. Raposo

15.30 - 15.45 - Carbono Orgânico nos Solos de Portugal. 1. O caso dos solos derivados de granitos e rochas afins.

R. Pinto Ricardo, M. Madeira & J.A. Raposo

15.45 - 16.00 - Debate.

 

16.00 – Café

 

16.30 - Tema 2 - Química e fertilidade do solo e gestão de nutrientes nos ecossistemas

16.30 - 16.45 - Fertilidade dos solos florestais afectados por práticas de silvicultura intensiva. 1. Dinâmica do N.

A.Azevedo, M. Madeira, J. Coutinho & L. Hilário

16.45 - 17.00 - Diagnóstico do estado de nutrição de pomares de pereira Rocha com base na análise foliar: Aplicação do método compositivo de diagnóstico.

F. Calouro, L. Duarte & P. Jordão

17.00 - 17.15 - Comparação de métodos laboratoriais para estimar a mineralização de azoto em solos vitícolas.

J. P. Gouveia & J. Coutinho

17.15 - 17.30 - Gestão do N na cultura da batata: níveis críticos para indicadores da disponibilidade de azoto no solo no momento da cobertura.

M. A. Rodrigues, J. Coutinho & F. Martins

17.30 - 17.45 - Contributo para a Caracterização do Fósforo nos Solos da Bacia Hidrográfica das Sete-Cidades - Açores. Avaliação do Índice de Saturação (ISP).

V. Simões, L. Matos & J. Pinheiro

17.45 - 18.00 - Debate.

 

18.15 - Assembleia Geral da SPCS

 

Quinta-feira

Junho

28

 

09.30 - Tema 3 - Física do solo, desenvolvimento radical e transporte de solutos

09.30 - 09.45 - Comportamento hidrológico de solos constituídos a partir de mantos de alteração de rochas granitóides. Estudo de caso na Serra da Aboboreira.

C. Bateira, L. Soares & M. Silvério

09.45 - 10.00 - Percolação de solutos na ZNS e qualidade das águas subterrâneas.

P. Duarte & M. O. Silva

10.00 - 10.15 - Análise da Utilização dos Polímeros AN905 e FO4550SH na Taxa de Infiltração e Perda de Solo de um Solo Mediterrâneo, Pardo, de Materiais Não Calcários, Normais, de xistos ou grauvaques (Px), através de simulação de chuva.

P. Fernandez, A. Gonçalves Ferreira & J. Bordado

10.15 - 10.30 - Ciências do Solo, Modelação Matemática e Interdisciplinaridade.

R. Neves, P. Chambel-Leitão & P. C. Leitão

10.30 - 10.45 - Debate.

10.45 - Café e Sessão de Posters

12.00 - Conferência "Precision Farming: Technologies and Perspectives", pelo Prof. Dale Heermann, Research Leader da Water Management Research Unit do USDA-ARS, Northern Plains Area, Colorado, Estados Unidos da América

 

13.00 – Almoço

 

14.30 - Tema 4 - O solo, o ordenamento do território e o planeamento do uso da terra

14.30 - 14.45 - O Golfe e o Ecossistema Agrário - Contribuição para uma melhoria da Qualidade Ambiental Local.

A. Betâmio de Almeida & S. Pereira da Silva

14.45 - 15.00 - Escolha da técnica mais eficaz para a prevenção da erosão em taludes utilizando um sistema de apoio à decisão.

P. Gamito

15.00 - 15.15 - Utilização de ferramentas SIG no estudo de impacto ambiental. “Caso de estudo: introdução de um sistema de rega por aspersão do tipo “Center Pivot” nas áreas a beneficiar pelo Alqueva”.

J. R. Marques da Silva & L. L. Silva

15.15 - 15.30 - Debate.

 

15.30 - Tema 5 - Transformação e utilização de efluentes e resíduos

15.30 - 15.45 - Impacto da exploração da Mina de São Domingos nos solos e sedimentos da área do Telheiro, Alentejo.

M. M. Abreu, C. Joaquim, M. T. Tavares, L. Quental & M. Vairinho

15.45 - 16.00 - A utilização de compostos de resíduos orgânicos na supressão de Pythium ultimum.

L. M. Brito & H. Sousa

16.00 - 16.15 - Padrões de variação da queda de folhada e da devolução de nutrientes ao solo em povoamentos de Eucalyptus globulus e de Pinus pinaster.

N. Cortez & M. Madeira

16.15 - 16.30 - Aplicação de Lamas Residuais Urbanas em Solos Agrícolas. Síntese dos Estudos Desenvolvidos no Departamento da Ciência de Solo, da Estação Agronómica Nacional - INIA.

H. Domingues, O. R. Monteiro, F. Pedra, J. T. Amaro & M. R. Gusmão

16.30 - 16.45 - Debate.

 

16.45 - Café e Sessão de Posters

 

20.30 - Jantar do Congresso e evento cultural

Sexta-feira

Junho

29

 

09.30 - Tema 6 - Tecnologia e indicadores de gestão sustentada dos ecossistemas agrários

09.30 - 09.45 - Overland flow and soil erosion hazard ranking on the basis of spatial soil moisture patterns and associated grid-based measurements.

C.O.A. Coelho, R.A. Shakesby, J. J. Keizer, M. Clarke, R.P.D.Walsh, A.J.D. Ferreira & S. Doerr

09.45 - 10.00 - A acumulação de carbono no solo de sistemas florestais intensivos. Influência da disponibilidade hídrica e de nutrientes e das técnicas de instalação.

M. Madeira, J. S. Pereira, A. Fabião, N. Cortez & M. C. Araújo

10.00 - 10.15 - AGRIBASE: uma base de dados relacional com os Solos de Portugal para utilização em planeamento agrícola.

L. Mira da Silva & M. N. G. Tristany

10.15 - 10.30 - Cultura experimental de sorgo sacarino (Sorghum bicolor var. Keller), para produção de biomassa e energia.

J. Morais, A. Fernando, P. Duarte & J. F. Santos Oliveira

10.30 - 10.45 - Debate.

 

10.45 – Café

 

11.15 - Tema 8 - Ecologia e processos biológicos do solo

11.30 - 11.45 - Efeito de Acções Antrópicas na Dinâmica de Comunidades em áreas de Montado: Fauna do Solo- Artrópodes Epígeos.

D. Figueiredo, L. Gazarini & M. Lima

11.45 - 12.00 - Efeitos da oligoqueta Eisenia fetida na decomposição da matéria orgânica e actividade biológica quando exposta ao fungicida carbendazim: Ensaios em laboratório utilizando os TMEs vs Ensaios in situ.

J. M. Rodrigues & A. M. V. M. Soares

12.00 - 12.15 - Efeito de diferentes intervenções culturais na mesofauna edáfica de um souto de Macedo de Cavaleiros (Bragança).

T. M. Vasconcelos, C. S. Ferreira, F. Raimundo & A. Martins

12.15 - 12.30 - Os nemátodes como elemento fundamental na biologia do solo; o caso dos montados.

P. R. Vieira & M. M. Mota

12.30 - 12.45 - Debate.

 

12.45 – Almoço

 

14.30 - Tema 7 - As funções do solo e a qualidade ambiental. Conservação e recuperação de solos

14.30 - 14.45 - Novas tecnologias de modelação e previsão da erosão. Modelo WEPP (Water Erosion Prediction Project).

M. A. Coutinho & A. T. Antunes

14.45 - 15.00 - As florestas como sumidouros para o carbono das emissões antropogénicas.

J. S. Pereira & M. Madeira

15.00 - 15.15 - Uso de escombros y subproductos para la reconstrucción de suelos de minería.

M. Salazar

15.15 - 15.30 - O Solo como sumidouro de gases com efeito de estufa.

J. M. Vieira e Silva

15.30 - 15.45 - Debate.

 

15.45 – Café

 

16.10 – Análise e Síntese dos Posters

17.10 - Sessão de Encerramento e conclusões

 

O presente programa poderá ainda estar sujeito a eventuais alterações de última hora.

 

 

[TOPO]

COMISSÃO ORGANIZADORA

Fernanda Cabral (ISA, DQAA)

Fernando Girão (ISA, DCA)

Isabel Adrega (IHERA)

Luis Mira (ISA, DPAA)

Madalena Fonseca (IICT, CP)

Maria Regina Menino (INIA, EAN)

Maria do Rosário Cameira (ISA, DER)

Nuno Cortez (ISA, DCA) - coordenação

Raquel Soveral Dias (INIA, LQARS)

 

[TOPO]

COMISSÃO CIENTÍFICA

Alfredo Gonçalves Ferreira (UÉvora)

António Réffega (IICT)

Carlos Alexandre (UÉvora)

Celeste Coelho (UAveiro)

Edgar Sousa (ISA, DCA)

Ernesto Vasconcelos (ISA, DQAA)

Graça Saraiva (ISA, SAAP/CESUR)

João Coutinho (UTAD)

João Santos Pereira (ISA, DEF)

Jorge Pinheiro (UAçores)

Luis Reis (IHERA)

Luis Santos Pereira (ISA, DER)

Manuel Madeira (ISA, DCA) - coordenação

Manuela Abreu (ISA, DCA)

Maria Amélia Loução (FCL, DBV/CEBV)

Miguel Brito (IPVC)

Nuno Cortez (ISA, DCA)

Pedro Aguiar Pinto (ISA, DPAA)

Soveral Dias (INIA, LQARS)

Vieira e Silva (INIA, EAN)

 

[TOPO]

COMISSÃO EDITORIAL

Fernanda Cabral (ISA, DQAA)

Manuel Madeira (ISA, DCA) - coordenação

Nuno Cortez (ISA, DCA)

Pedro Aguiar Pinto (ISA, DPAA)

Rui Marçal (ISA, DER)

 

[TOPO]

MORADA PARA CORRESPONDÊNCIA

 

 

Sociedade Portuguesa da Ciência do Solo

a/c Drª. Madalena Fonseca

Centro de Pedologia do IICT

ISA, Tapada da Ajuda

1349-017 Lisboa

 

ou por fax: 21 363 5031

 

ou por e-mail:  madfons@isa.utl.pt

 

[TOPO]

LocalizaÇÃo

 

    auditório da lagoa branca

 

VER FOTO DO AUDITÓRIO

 

 

[TOPO]

Última actualização: 4-Jul-01

© Isabel Loupa Ramos, Nuno Cortez  & Pedro Chambel Leitão